Quero abrir a minha Startup. Por onde começo?

mkt Sem categoria Leave a Comment

Primeiro vamos ao básico: A startup é um modelo de negócios, o que a diferencia é o crescimento rápido somada à um serviço ou produto inovador. Ok? Vamos seguir! 

Uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Startups (ABStartups) divulgou que em 2019 o número de startups no Brasil é de 5.147. Em  2012 haviam apenas 2519 startups registradas, ou seja em menos de dez anos o número de startups dobrou, e o número de pessoas que desejam saber como abrir uma startup cresce diariamente. 

Mas como a maioria já sabe, não é fácil empreender e abrir o seu próprio negócio, e por mais que as startups proponham crescimento rápido, em menos tempo do que as empresas tradicionais, mas não são todas que conseguem sobreviver ao mercado.

Não existe uma fórmula padrão para que ela dê certo, mas nós podemos te ajudar a dar os primeiros passos no sentido correto.

Foco e planejamento são essenciais nessa etapa inicial, além é claro de muita vontade e dedicação. 

Veja algumas dicas essenciais pra você dar o primeiro passo para tirar a sua ideia do papel:

1 – Não se iluda com grandes empresas que tiveram uma rápida ascensão

Sim, as startups têm um crescimento mais rápido, porém as empresas que passaram a valer milhões em um curto espaço de tempo tiveram uma super infraestrutura e profissionais muito capacitados por trás deste sucesso.

Nada é feito de um dia pro outro ou por apenas uma pessoa! 

2 – Só uma boa ideia não é tudo. Esteja preparado!

Você precisa aprender a gerenciar o seu empreendimento, e o seu modelo de negócio, além de lidar com todas as adversidades que aparecerão. 

3 – Avalie o mercado e a viabilidade da sua ideia

A sua ideia não precisa apenas ser inovadora, ela precisa ser viável também, afinal uma startup precisa ter um modelo de negócio escalonável, então se ela for muito complexa e de difícil entendimento, ela poderá não ser muito bem aceita pelo mercado.

Então teste com amigos, família e pessoas que você acredita que podem se interessar pelo seu produto/serviço, se a sua ideia tem aceitação.

4 – Marketing e vendas também precisam ser testados

A sua ideia é inovadora então ferramentas e métodos que já funcionam para empresas tradicionais, podem não ser o melhor para a sua startup. Por isso, antes de investir o seu capital nisso, experimente as ferramentas que você acredita que irão se encaixar melhor aos seus negócios. 

5 – Investimento é essencial 

Depois que você já estiver com a sua ideia consolidada, conhecer o seu público-alvo e o seu plano de negócios, chegou a hora de procurar investimento.

Não faça isso logo no início, porque os valores de investimento provavelmente serão menores, pois os riscos serão maiores do que quando você já estiver mais preparado. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *